Paulo Barros sai da Unidos da Tijuca

O carnavalesco Paulo Barros é a principal contratação da Mocidade Independente de Padre Miguel para o projeto do Carnaval 2015. O artista, que comunicou seu desligamento da Unidos da Tijuca nesta segunda-feira, 17, ao presidente da escola, Fernando Horta, afirma que optou pela troca de agremiação atraído pelo projeto que lhe foi apresentado pela Mocidade, escola que tenta se reerguer, após anos de uma administração caótica, que deixou a verde e branco em sérias dificuldades financeiras, que culminaram com a saída, no fim de janeiro, do ex-presidente Paulo Vianna.

–  Para quem, como eu, admira o espetáculo que é o desfile das escolas de samba, é ruim ver uma escola como a Mocidade fora da briga pelo título ano após ano. A mesma coisa as pessoas sentiam em relação à Portela, que este ano mostrou que a reestruturação é possível, desde que haja investimento e seriedade. E é isso que os novos administradores da Mocidade pretendem fazer lá, tornando a escola competitiva. Fiquei muito honrado com o convite e estou cheio de disposição para trabalhar – garante Paulo Barros, que comunicou nesta segunda-feira sua saída ao presidente Fernando Horta, da Unidos da Tijuca.

As negociações para a contratação de Barros pela Mocidade foram feitas diretamente com o patrono da escola, Rogério Andrade. Segundo o carnavalesco, na conversa, Andrade comentou que o artista terá toda a liberdade não só para montar sua equipe de trabalho como para definir o enredo, sem mencionar a necessidade de a escola levar para a Avenida uma tema patrocinado.

– Ele (Rogério Andrade) lembrou que a Mocidade tem uma história de escola de vanguarda, de modernidade. Isso desde os áureos tempos de Fernando Pinto, que todo mundo sabe que foi um dos meus carnavalescos preferidos. É isso que a Mocidade quer.

Sobre a equipe de trabalho, o que está certo até agora é que Barros terá a seu lado na nova escola os coreógrafos Marcelo Sandryni e Roberta Nogueira, que os acompanham desde a primeira passagem dele pela Unidos da Tijuca.

Paulo Barros estreou no Grupo Especial com a Unidos da Tijuca em 2004. Em sua primeira passagem pela escola do Borel, ainda assinou os desfiles de 2005 e 2006. Em 2007 e 2008, deu expediente na Unidos do Viradouro. Em 2009, quando deixou a escola de Niterói, foi para a Vila Isabel, onde assinou o desfile com o carnavalesco Alex de Souza. O primeiro título da carreira aconteceu em 2010, quando retornou à Tijuca, e onde conquistou também o título de 2012. Desde a estreia no Especial, Paulo Barros só não voltou ao Desfile das Campeãs em 2008.

Tudo é Samba

Advertisements

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s